quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Paulo Coelho - Guerreiros da Luz


Um guerreiro da luz que confia demais na sua inteligência, acaba por subestimar o poder do adversário. É preciso não esquecer: há momentos em que a força é mais eficaz que a sagacidade. Uma tourada dura quinze minutos; o touro aprende rápido que está sendo enganado - e seu próximo passo é partir para cima do toureiro. Quando isto acontece, não há brilho, argumento, inteligência, ou charme que possam evitar a tragédia. 
Por isso, o guerreiro nunca subestima a força bruta. Quando ela é violenta demais, ele se retira do campo de batalha - até que o inimigo desgaste sua energia. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário